Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/9636
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorCorteletti, Rosyelle Cristinapt_BR
dc.contributor.authorSilva, Denise de Fátima Santos da-
dc.date.accessioned2018-03-14T18:32:45Z-
dc.date.available2018-03-14T18:32:45Z-
dc.date.issued2017-
dc.identifier.citationSILVA, Denise de Fátima Santos da. Avaliação do alcance de deslizamentos em função da geometria da encosta - estudo de caso: estrada de Ferro Vitória-Minas. 2017. 193 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia) - Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2017.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9636-
dc.descriptionPrograma de Pós-Graduação em Geotecnia. Núcleo de Geotecnia, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.description.abstractO presente trabalho tem por objetivo avaliar o alcance da massa de deslizamentos em função da geometria da encosta, tendo como estudo de caso a Estrada de Ferro Vitória- Minas da VALE S.A. Neste contexto, os deslizamentos de taludes podem atingir o domínio da plataforma ferroviária, paralisando a via, além de afetar o tráfego, e comprometer o fluxo de cargas e/ou passageiros. Assim, a avaliação do alcance destes movimentos é uma importante informação na hierarquização dos trechos com suscetibilidade a deslizamentos, auxiliando na tomada de decisões para manutenção da via, na adoção de planos de ação preventiva. O desenvolvimento da pesquisa abrangeu a obtenção de dados da EFVM, constituindo um banco de dados e inventário das cicatrizes no trecho de análise (km 482 e km 536). Os conjuntos dessas informações subsidiaram a aplicação de metodologia desenvolvida para estimativas de áreas e volumes de deslizamentos por meio do Google Earth Pro e por meio do imageamento com drone, obtenção das relações empíricas e comparação com relações encontradas na literatura. Por fim foram obtidas as estimativas do alcance máximo dos deslizamentos, por meio da estatística multivariada. Os resultados obtidos apontam estimativas de áreas de cicatrizes com correlação de 0,92. Já as estimativas de volume apresentaram correlação 0,8; com subestimativa dos resultados obtidos por meio do Google Earth Pro. As relações empíricas foram distinguidas por dois grupos: primeiro, as obtidas por meio do Google Earth Pro com comportamento intermediário na Região B. Segundo, com relação empírica obtida por meio do imageamento com drone apresentou comportamento intermediário na Região A. Os resultados para o alcance apresentaram faixa de 186,5 a 489,6 metros para volume de material deslizado de 1075,5 a 111367,9 metros cúbicos. Importante apontar a existência de incertezas geotécnicas ao considerar somente os dados geométricos. No entanto, as análises e resultados destes parâmetros foram tratados por técnicas estatísticas, discriminando e apontando as melhores relações e, dessa forma, minimizando as mesmas incertezas geotécnicas.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsabertopt_BR
dc.subjectEngenharia geotécnicapt_BR
dc.subjectMapeamento geomorfológico - aeronave não tripuladapt_BR
dc.subjectFerrovias - deslizamentopt_BR
dc.titleAvaliação do alcance de deslizamentos em função da geometria da encosta - estudo de caso: estrada de Ferro Vitória-Minas.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 09/03/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.pt_BR
dc.contributor.refereeCorteletti, Rosyelle Cristinapt_BR
dc.contributor.refereeBarella, Cesar Falcãopt_BR
dc.contributor.refereeNunes, Anna Laura Lopes da Silvapt_BR
dc.description.abstractenThe objective of this study is to evaluate the reach of the landslide mass in function of the slope geometry, with study case of Estrada de Ferro Vitória-Minas of VALE S.A. In this context, landslides can reach the railway platform, paralyzing the road, in addition to affecting traffic, and compromising the flow of loads and/or passengers. Thus, the evaluation of reach in landslides, is an importante information in the hierarchy of the sections with susceptibility to landslides, helping in the decision making for road maintenance, in the adoption of preventive action plans. The development of the research included the collection of data from the EFVM, constituting a database and inventory of landslides’s scars in the section of analysis (km 482 and km 536). The sets of this information supported the application of methodology developed for estimates of areas and volumes of landslides through Google Earth pro and too drone imaging, obtaining empirical relationships found in literature, in addtion to the maximum range estimates of landslides. The results obtained indicate estimates of scars’s area with a correlation of 0.92. The scars’s volume estimates presented a correlation of 0.8, with an underestimation of the results obtained through Google Earth Pro. Empirical relationships were distinguished by two groups: the first, those obtained through Google Earth Pro with intermediate behavior in Region B. The second, with empirical relationship obtained through drone imaging presented intermediate behavior in Region A.The results for the range presented a range of 186.5 to 489.6 meters for the volume of material slid from 1075,5 to 111367,9 cubic meters. It is important to point out the existence of geotechnical uncertainties when considering only the geometric data. However the analyzes and results of these parameters were treated by statistical techniques, discriminating and pointing out the best relations, thus minimizing the same geotechnical uncertainties.pt_BR
Appears in Collections:POSGEO - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_AvaliaçãoAlcanceDeslizamentos.pdf12,96 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons