Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3062
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorSousa, Hildeberto Caldas dept_BR
dc.contributor.authorFerreira, Mariana Terrola Martins-
dc.date.accessioned2013-07-05T16:33:04Z-
dc.date.available2013-07-05T16:33:04Z-
dc.date.issued2011-
dc.identifier.citationFERREIRA, M. T. M. Composição florística e distribuição vertical de epífitas vasculares sobre indivíduos de Guapira opposita (Vell.) Reitz (Nyctaginaceae) em um fragmento florestal na Serra da Brígida, Ouro Preto, MG.. 2011. 47f. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Biomas Tropicais) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2011.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3062-
dc.description.abstractEpífitas correspondem a 10% do total de plantas vasculares e desempenham importante função na flora e ecologia das florestas tropicais. Considerando que existem poucos estudos realizados em hábitats relativamente secos como as florestas estacionais, o objetivo desse estudo foi analisar a riqueza, abundância e o padrão de distribuição vertical da comunidade epifítica sobre indivíduos de Guapira opposita (Vell.) Reitz, em um fragmento de floresta estacional semidecidual no Parque Natural Municipal das Andorinhas, sudeste do Brasil. Todas as espécies de epífitas vasculares sobre as árvores hospedeiras foram registradas. Os forófitos foram divididos em três estratos (fuste, copa interna e copa externa) e as espécies epifíticas ocorrentes em cada forófito receberam notas de acordo com sua abundância. Foram amostrados 332 forófitos sobre os quais foram registradas 35 espécies de epífitas pertencentes a nove famílias e 28 gêneros. As famílias mais ricas foram Polypodiaceae (10 espécies), Orchidaceae (oito espécies) e Bromeliaceae (sete espécies). Microgramma squamulosa (Kaulf.) de la Sota foi a espécie com maior valor de importância epifítico deste levantamento. A categoria ecológica mais numerosa foi holoepífita facultativa com 18 espécies. A riqueza e abundância de espécies epifíticas apresentou correlação significativa e positiva com o CAP do forófito. A ocorrência das espécies epifíticas não diferiu significativamente entre os estratos dos forófitos.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.publisherPrograma de Pós-Graduação em Ecologia de Biomas Tropicais. Departamento de Biodiversidade, Evolução e Meio Ambiente, Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.subjectFisiologia vegetalpt_BR
dc.subjectEpifitaspt_BR
dc.subjectFlorestaspt_BR
dc.subjectFloresta estacional semidecidualpt_BR
dc.subjectSerra da Brígida - Minas Geraispt_BR
dc.titleComposição florística e distribuição vertical de epífitas vasculares sobre indivíduos de Guapira opposita (Vell.) Reitz (Nyctaginaceae) em um fragmento florestal na Serra da Brígida, Ouro Preto, MG.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.description.abstractenTen percent of all vascular plants are epiphytes and they play an important role in the flora and ecology of the tropical rain forests. Considering a few studies which have been performed in relatively dry habitats such as seasonal forests, the aim of this study was to analyze the richness, abundance and vertical distribution pattern of the epiphytic community on individuals of Guapira opposita (Vell.) Reitz, in a seasonal semideciduous forest fragment, in Parque Natural Municipal das Andorinhas, southeastern Brazil. All the vascular epiphytes growing on host trees were recorded. The phorophytes were divided into three strata (stem, inner and outer crown). In each host tree, scores were given for the occurring epiphytic species according to its abundance. In this survey 332 phorophytes were sampled on which 35 epiphytic species belonging to nine families and 28 genera were recorded. The richest families were Polypodiaceae (10 species), Orchidaceae (eight species) and Bromeliaceae (seven species). Microgramma squamulosa (Kaulf.) de la Sota was the species with highest value of importance in the survey. The most numerous ecological categories were facultative holoepiphytes with 18 species. Richness and abundance of epiphytic species per phorophyte showed significant and positive relationships to phorophyte perimeter. The epiphytic species occurrence was not significantly different among strata.-
Appears in Collections:PPGEBT - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_CompisiçãoFlorísticaDistribuição.pdf3,98 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.