Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/2865
Title: Efeitos secundários de plantações de eucalipto e pastoreio sobre veredas de Três Marias (MG) : avaliação através da geoquímica e mirmecofauna.
Authors: Silva, Glênia Lourenço
metadata.dc.contributor.advisor: Ribeiro, Sérvio Pontes
Keywords: Impacto ambiental
Cerrado - veredas
Formiga
Indicadores ambientais
Bioindicação
Issue Date: 2013
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Evolução Crustal e Recursos Naturais. Departamento de Geologia, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Citation: SILVA, G. L. Efeitos secundários de plantações de eucalipto e pastoreio sobre veredas de Três Marias (MG) : avaliação através da geoquímica e mirmecofauna. 2013. 137 f. Dissertação (Mestrado em Evolução Crustal e Recursos Naturais) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2013.
Abstract: Em Minas Gerais, as veredas, constituem um importante ecossistema ribeirinho do bioma Cerrado. Associadas a ambientes de drenagem superficial, as veredas, são nascentes de bacias hidrográficas, como por exemplo, a do rio São Francisco. O presente estudo visa quantificar e determinar os danos ambientais causados pela atividade antrópica, mais especificamente pelo cultivo de eucalipto e pastoreio de gado nas veredas da região de Três Marias, através de análises geoquímicas e bioindicação por fauna de formigas. Foram selecionadas três veredas (uma preservada, uma impactada por cultura de eucalipto e outra utilizada como pastejo para o gado) onde foram realizadas coletas sazonais de água e da fauna de formigas e uma coleta de solos para análise granulométrica e de teor de metais. As amostras de água foram submetidas às análises físico-químicas in situ (pH, Eh, temperatura, oxigênio dissolvido, turbidez, condutividade elétrica e total de sólidos dissolvidos) e de teor de metais, alcalinidade, sulfato e cloreto em laboratório. Os espécimes de formigas foram coletados por armadilha de pitfall de solo e arbóreo, isca de sardinha e mel (solo e arbórea) e coleta direta e, em laboratório, foram triados e identificados até o nível de gênero, e quando possível, até nível espécie. O elemento mais abundante encontrado nas águas foi o Fe. As águas das veredas podem ser classificadas, pelos aspectos analisados, como sendo de Classe I. Al e Fe foram os elementos mais abundantes no solo, nas três veredas estudadas. Na vereda impactada por eucalipto o gênero mais abundante foi Pheidole e onde houve redução na riqueza do gênero Cephalotes. Na vereda impactada por gado o gênero mais abundante foi Crematogaster e onde foram obtidos os maiores valores da concentração de Fe tanto na água quanto no solo. Na vereda adotada como área controle, o Ti esteve em concentrações mais elevadas que as demais veredas e o gênero mais abundante foi Solenopsis. A abundância não foi diferente entre as três áreas estudadas, porém a riqueza é sutilmente diferente. Durante a estação chuvosa, os habitats das Veredas se diferenciam, sendo que a área onde há o eucaliptal é visivelmente diferente das áreas de cerrado e margem da vereda. Durante a estação seca, os gêneros de formigas coletados parecem responder positivamente ao aumento da concentração de Al no solo. Impactos indiretos podem refletir em mudanças visíveis no sistema aquático, porém estes impactos podem estar generalizados no ambiente terrestre, necessitando de ferramentas capazes de detectar estas sutilezas e facilitar a interpretação de dados ambientais. A utilização da mirmecofauna, como mostrado neste estudo, pode ser a solução para um diagnóstico ambiental mais refinado.
metadata.dc.description.abstracten: In Minas Gerais, the “veredas” are an important riparian ecosystem of Cerrado. Environments associated with surface drainage, the “veredas” are sources of watersheds, for example, São Francisco River. This study aims to quantify and determine the environmental damage caused by human activity, specifically the cultivation of eucalyptus and cattle grazing in the “veredas” of Três Marias region, through geochemical and bioindication by ant fauna. Three “veredas” were selected (one preserved, a culture impacted by eucalyptus and another used as grazing for cattle) where were seasonally sampled water and ants‟ fauna and a collection of soils for granulometric analysis and metal content. Water samples were subjected to physical and chemical analyzes in situ (pH, Eh, temperature, dissolved oxygen, turbidity, electrical conductivity and total dissolved solids) and metal content, alkalinity, sulfate and chloride in the laboratory. The specimens of ants were collected by soil and trees pitfall traps, sardine and honey bait (ground and tree) and direct collection and in the laboratory they were screened and identified to genus level, and when it was possible, to species level. The most abundant element found in the water was Fe. The water of the “veredas” can be classified by the characteristics analyzed, as Class I. Al and Fe were the most abundant elements in the soil, in the three studied “veredas”. In the “vereda” impacted by eucalyptus the most abundant genus was Pheidole and where there was a reduction in the richness of the genus Cephalotes. In the “vereda” impacted by cattle the most abundant genus was Crematogaster and where they obtained the highest values of Fe concentration in both water and soil. In the control “vereda”, the Ti was in higher concentrations than in the other “veredas” and the most abundant genus was Solenopsis. The abundance was not different among the three studied areas, but the wealth is subtly different. During the rainy season, the habitats of the “veredas” are different, and the area where there is eucalyptus is noticeably different from the cerrado and edge of the “veredas”. During the dry season, the ants collected seem to respond positively to the increased concentration of Al in the soil. Indirect impacts may reflect visible changes in the aquatic system, but these impacts may be widespread in the terrestrial environment, requiring tools to detect these subtleties and to facilitate the interpretation of environmental data. The use of the ant fauna, as shown in this study may be the solution to a more refined environmental diagnosis.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2865
Appears in Collections:PPGECRN - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_EfeitosSecundáriosPlantações.PDF8,95 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.