Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9880
Título: Utopia e prognóstico na história do Brasil imaginada por Joaquim Felício dos Santos (1860-1873).
Autor(es): Ferreira, Raína de Castro
Orientador(es): Araújo, Valdei Lopes de
Palavras-chave: Comunicação escrita
Jornais - análise
Data do documento: 2017
Membros da banca: Araújo, Valdei Lopes de
Rangel, Marcelo de Mello
Mollo, Helena Miranda
Sousa, Francisco Gouvea de
Referência: FERREIRA, Raína de Castro. Utopia e prognóstico na história do Brasil imaginada por Joaquim Felício dos Santos (1860-1873). 2017. 148 f. Dissertação (Mestrado em História) - Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto. Mariana, 2017.
Resumo: Esta dissertação se desenvolveu a partir da análise do jornal O Jequitinhonha, que circulava em Diamantina-MG entre 1860-1873, e de seu principal colaborador e dono, Joaquim Felício dos Santos. Utilizamos as publicações dos anos de 1862 e de 1868 a 1873, períodos nos quais foram publicados os folhetins: A História do Bra-sil, escrita pelo Dr. Jeremias no ano de 2862 (1862) e Páginas da História do Bra-sil, escrita no ano de 2000 (1868-1873). As obras são projeções sobre o futuro do Brasil nos anos 2000 e são analisadas em conjunto com duas outras obras de Felício dos Santos: Memórias do Distrito Diamantino da Comarca do Serro Frio (1861-1862) e Acayaca: romance indígena (1862-1863). Além de realizar uma cronologia da vida de Felício dos Santos e d´O Jequitinhonha, utilizamos basicamente duas categorias analíticas. A primeira envolve a formação do historiador oitocentista, empregando o conceito de historiador erudito e antiquário para expressar as mu-danças ocorridas na segunda metade do século XIX. Focamos em uma história es-crita fora do IHGB e como esta influenciou a escrita de uma história nacional. Na segunda categoria, utilizamos os conceitos trabalhados por Hans Gumbrecht sobre como o cronótopo tempo histórico, Stimmung e efeitos de presença ajudam a pensar o futuro criado por Felício dos Santos, juntamente com o modelo de estratificações temporais de Reinhart Koselleck que temporaliza o futuro; definindo o caráter utó-pico ou prognóstico de determinados textos. Junto a esta análise utilizamos a noção de responsabilidade da escrita da História desenvolvida por Hayden White.
Resumo em outra língua: This dissertation was developed from the analysis of the newspaper O Jequitin-honha, that circulated in Diamantina-MG between 1860-1873, and its main collab-orator and owner, Joaquim Felício dos Santos. We use as publications from the years 1862 and 1868 to 1873 the periods in which the tracts were published: The History of Brazil, written by Dr. Jeremiah in the year 2862 (1862) and Pages of the History of Brazil, written in the year of 2000 (1868-1873). The works are projec-tions about the future of Brazil in the 2000s and are analyzed together with two other works by Felício dos Santos: Memories of the Diamantino District of Serro Frio (1861-1862) and Acayaca: indigenous romance (1862-1863). In addition to performing a chronology of the life of Felício dos Santos and Jequitinhonha, we basically use two analytical categories. The first involves a formation of the nine-teenth-century historian, employing the concept of an erudite historian and anti-quarian to ex-press as the media in the second half of the nineteenth century. We also focused on a story written for IHGB and how it influenced a writing of a na-tional history. In the second category, we use the concepts worked by Hans Gum-brecht, on how the historical time chronotope, Stimmung and reality effects help to think the future created by Felício dos Santos, together with the time stratification model of Reinhart Koselleck The future Defining the utopian character or prognosis of textual adjustment. Together with this analysis he uses a notion of responsibility for the writing of History developed by Hayden White.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em História. Departamento de História, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9880
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor(a), 20/04/2017, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite a adaptação.
Aparece nas coleções:PPGHis - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_UtopiaPrognósticoHistória.pdf3,08 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons