Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/9810
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.authorMedeiros, Elen de-
dc.contributor.authorPenteado, Flávio Rodrigo-
dc.date.accessioned2018-04-03T16:52:39Z-
dc.date.available2018-04-03T16:52:39Z-
dc.date.issued2016-
dc.identifier.citationMEDEIROS, E. de; PENTEADO, F. R. Pessoa e Nelson: proposições do drama moderno em Portugal e no Brasil. Raído, v. 10, p. 66-88, 2016. Disponível em: <http://ojs.ufgd.edu.br/ojs/index.php/Raido/article/view/5913>. Acesso em: 02 fev. 2018.pt_BR
dc.identifier.issn1984-4018-
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9810-
dc.description.abstractPara pensar as relações entre o drama moderno em Portugal e no Brasil, Fernando Pessoa e Nelson Rodrigues se projetam como nomes centrais do questionamento da forma dramática convencional. Assim, propomo-nos a compreender de que maneira, cada qual com sua proposta estética, os autores possibilitaram a composição de uma forma dramática aberta, repensando o teatro na modernidade. Para tanto, partimos de teorias sobre o drama — Szondi (2011) e Sarrazac (2012) —, na medida em que encontramos nessas formulações elementos para refl exão das obras aqui estudadas.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsabertopt_BR
dc.subjectDrama modernopt_BR
dc.subjectNelson Rodriguespt_BR
dc.subjectFernando Pessoapt_BR
dc.titlePessoa e Nelson : proposições do drama moderno em Portugal e no Brasil.pt_BR
dc.title.alternativePessoa and Nelson : propositions of modern drama in Portugal and Brazil.pt_BR
dc.typeArtigo publicado em periodicopt_BR
dc.rights.licenseO periódico Raído permite que o Repositório Institucional da Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP) deposite uma cópia eletrônica dos artigos publicados por esse periódico em que ao menos um dos autores faça parte da comunidade cientifica da UFOP. Fonte: Licença concedida mediante preenchimento de formulário em 29 ago. 2016.pt_BR
dc.description.abstractenIn order to think the relationship between modern drama in Portugal and Brazil, Fernando Pessoa and Nelson Rodrigues are central names questioning the conventional dramaturgical form. Thus, we propose to understand how, each with its aesthetic proposal, the authors allowed the composition of an open dramatic solution, rethinking theater in modernity. For this, we start from theories about the drama — Szondi (2011) and Sarrazac (2012) — since we fi nd in these formulations elements for thought of the works studied here.pt_BR
Appears in Collections:DEART - Artigos publicados em periódicos

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
ARTIGO_PessoaNelsonProposições.pdf492,21 kBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.