Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9633
Título: Cor floral influencia visitação de abelhas coletoras de óleo em Byrsonima variabilis A. Juss (Malpighiaceae).
Autor(es): Melo, Brehna Teixeira de
Orientador(es): Oliveira, Reisla Silva de
Mota, Theo Rolla Paula
Palavras-chave: Polinização
Flores - cor
Cor - percepção
Abelha
Data do documento: 2017
Membros da banca: Oliveira, Reisla Silva de
Schlindwein, Clemens Peter
Leandro, Cristiane Martins
Referência: MELO, Brehna Teixeira de. Cor floral influencia visitação de abelhas coletoras de óleo em Byrsonima variabilis A. Juss (Malpighiaceae). 2017. 35 f. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Biomas Tropicais) - Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2017.
Resumo: Diversos atributos florais podem indicar a presença de recursos aos polinizadores e cor é um deles. Embora 78 famílias de angiospermas apresentem mudança de cor floral, a maior parte dos estudos se restringe a entender como essa alteração influencia o comportamento de forrageio de operárias de insetos sociais em busca de um só recurso: o néctar. Byrsonima variabilis (Malpighiacea) é uma planta que possui óleo e pólen como recursos florais. Óleos florais atraem abelhas coletoras de óleo que os utilizam na impermeabilização dos ninhos e aprovisionamento larval. Neste estudo, caracterizamos os padrões de refletância espectral de flores de B. variabilis ao longo da antese e avaliamos se a mudança de cor é induzida pela polinização. Em seguida, verificamos como esses padrões de cor são percebidos pelas abelhas e se influenciam seu comportamento de coleta. Flores de B. variabilis foram visitadas por abelhas coletoras de óleo da tribo Centridini e da tribo Tapinotaspidini. Fêmeas do primeiro grupo são as únicas que apresentam tamanho e comportamento de manuseio floral adequados à polinização. Abelhas dos dois grupos visitaram preferencialmente flores com pétalas estandartes amarelas quando buscavam por pólen, mas coletaram indiscriminadamente em flores com diferentes cores de pétala estandarte quando buscavam por óleo floral. Em um experimento em que removeu-se anteras de flores frescas, as abelhas coletaram quase que exclusivamente em flores com anteras, demonstrando que não apenas a cor da flor, mas a presença do recurso em si também influenciou nas decisões de visita pelos polinizadores. Os resultados apresentados neste estudo mostraram que abelhas coletoras de óleo reconhecem cores florais durante seu forrageio na busca de pólen, e que a cor das anteras e a presença de pólen também são empregados como sinal e influenciam na decisão de visitar ou não a flor.
Resumo em outra língua: Several floral attributes may indicate the presence or absence of resources to pollinators, and color is one of them. Although 78 families of angiosperms exhibit floral color change, most studies are restricted to understanding how this change could influence the foraging behavior of social insect workers searching for a single resource, nectar. Byrsonima variabilis (Malpighiacea) is a plant that has oil and pollen as floral resources. Floral oils attract oil collecting bees that use them for waterproofing nests and larval supply. Studies on color preference usually associate it with the presence of the nectar resource. In this study, we characterize the spectral reflectance patterns of B. variabilis flowers throughout the anthesis and evaluate whether the color change is induced by pollination. Hereafter, we verify how these color patterns are perceived by bees and influence their collect behavior. Flowers of B. variabilis were visited by big Centridini and small Tapinotaspidini oil collecting bees. Females of the first group are the only with adequate size and floral handling behavior which leads them touch stigma when collecting. Bees of the two groups visited yellow flowers preferentially when collecting pollen and collected indiscriminately on flowers of different colors when searching for floral oil, In an experiment in which anthers were removed from fresh flowers, the bees collected almost exclusively on flowers with anthers, demonstrating that not only flower color, but the presence of the resource itself also influenced the visitation decisions. The results presented in this study showed that oil collecting bees recognize floral colors during their foraging in the search for pollen, and the color of anthers and pollen is used as signal to bees decide to visit this flowers or not.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em Ecologia de Biomas Tropicais. Departamento de Biodiversidade, Evolução e Meio Ambiente, Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9633
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 10/11/2017, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece nas coleções:PPGEBT - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_CorFloralInfluencia.pdf12,95 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons