Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9017
Título: Onde os mais adaptados permanecem : comunidade de abelhas sem ferrão (Hymenoptera: Apidae, Meliponini) em áreas urbanas do município de Ubá, Minas Gerais, Brasil.
Autor(es): Araújo, Gustavo Júnior de
Itabaiana, Yasmine Antonini
Silva, Luíza Santos
Mucci, Georgina Maria Faria
Palavras-chave: Mata Atlântica
Conservação
Nidificação
Polinização
Data do documento: 2016
Referência: ARAÚJO, G. J. et al. Onde os mais adaptados permanecem : comunidade de abelhas sem ferrão (Hymenoptera: Apidae, Meliponini) em áreas urbanas do município de Ubá, Minas Gerais, Brasil. EntomoBrasilis, Vassouras, v. 9, p. 175-179, 2016. Disponível em: <http://www.periodico.ebras.bio.br/ojs/index.php/ebras/article/view/ebrasilis.v9i3.640>. Acesso em: 25 ago. 2017.
Resumo: A urbanização tem causado a fragmentação de vários ambientes naturais, levando à perda de muitos processos ecológicos como a polinização, realizada principalmente por abelhas, em especial as espécies de Meliponini, que tem reduzido drasticamente as suas populações devido à perda de habitat pela expansão urbana. O objetivo deste estudo foi realizar um levantamento das espécies de abelhas sem ferrão em áreas urbanas do município de Ubá - MG, Brasil, relacionar a riqueza e abundância das espécies encontradas com a taxa de ocupação das variáveis estruturais da paisagem das áreas urbana e relacionar a presença das espécies obtidos com estas variáveis. Foram encontrados 28 ninhos pertencentes a quatro espécies, Tetragonisca angustula (Latreille), Trigona spinipes (Fabricius), Nannotrigona testaceicornis (Lepeletier) e Friesella schrottkyi (Friese). Não houve relação significativa entre a riqueza e abundância de Meliponini e variáveis estruturais de vegetação analisadas, possivelmente devido a valores baixos no número de ninhos e espécies encontrados. Somente T. spinipes se mostrou relacionada com a presença de vegetação. Os resultados mostram que a comunidade Meliponini é composta por espécies generalistas capazes de utilizar cavidades artificiais e plantas ornamentais como uma fonte alternativa de recursos, comuns em áreas urbanas. Os resultados obtidos neste estudo servem de alerta para atuais condições dos remanescentes vegetais em áreas urbanas na cidade de Ubá, além de também poderem ser usados como material de apoio na tomada de decisão sobre projetos de conservação e recuperação de áreas degradadas, tendo como foco sobre as abelhas e sua importância para a sustentabilidade destes ecossistemas.
Resumo em outra língua: The urbanization has caused the fragmentation of various natural environments, taking to loss of many ecological processes in which includes pollination, realized mainly by bees, in special Meliponini species, which has drastically reduced their populations due to loss of habitat for urban expansion. The aim of this study was to survey the species of stingless bees in urban areas of the municipality of Ubá - MG, Brazil, relate the richness and abundance of species found with the percentage of occupation of the structural variables of the urban landscape and relate the presence of the species obtained with these variables. Were found 28 nests belonging to four species, Tetragonisca angustula (Latreille), Trigona spinipes (Fabricius), Nannotrigona testaceicornis (Lepeletier) and Friesella schrottkyi (Friese). There was no significant relationship between richness and abundance of Meliponini and structural variables of vegetation, possibly due to low values in the number of nests and species obtained. Only T. spinipes showed related to the presence of vegetation. The results show that the Meliponini community is composed by generalist species able to use artificial cavities and ornamental plants as an alternative source of resources, common in urban areas. The results obtained in this study is a warning to current conditions of the plant remaining in urban areas in the city of Ubá, besides may also be used as support in taking-decision on projects for the conservation and recovery of degraded areas, focusing on bees and their importance to the sustainability of these ecosystems.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/9017
ISSN: 19830572
Licença: Os trabalhos publicados pelo periódico EntomoBrasilis estão licenciados sob uma licença Creative Commons que permite o acesso e distribuição das informações. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação. Fonte: EntomoBrasilis <http://www.periodico.ebras.bio.br/ojs/index.php/ebras/about/submissions#copyrightNotice>. Acesso em: 08 nov. 2016.
Aparece nas coleções:DEBIO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_OndeMaisAdaptados.pdf412,18 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.