Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6562
Título: O movimento miguelista nas páginas d'Aurora Fluminense (1828-1834).
Autor(es): Guimarães, Nívea Carolina
Orientador(es): Gonçalves, Andréa Lisly
Palavras-chave: Liberalismo
Jornalismo - aspectos políticos
Imprensa - Brasil
Data do documento: 2016
Membros da banca: Pereira, Luisa Rauter
Basile, Marcello Otávio Neri de Campos
Referência: GUIMARÃES, Nívea Carolina. O movimento miguelista nas páginas d'Aurora Fluminense (1828-1834). 2016. 115 f. Dissertação (Mestrado em História) - Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2016.
Resumo: Esta dissertação de mestrado tem por finalidade investigar a repercussão do movimento miguelista entre os anos de 1828 e 1834 em um dos jornais de maior tiragem na capital do Império brasileiro, A Aurora Fluminense. O período compreendido nesta pesquisa é marcado por intensa efervescência política, no qual se destaca o papel da imprensa periódica em sua íntima ligação com a construção de um espaço de discussão pública. Quanto a Portugal, os anos de 1828 a 1834, momento em que D. Miguel assume o trono, mostram-se carregados de embates entre os adeptos da antiga ordem e os que defendiam a Constituição. As ideias do grupo de apoio a D. Miguel, os miguelistas, repercutiram no cenário internacional e, no caso do Brasil, foram discutidas à luz do complexo processo de experimentação política, acima referido. Esta pesquisa se propõe a estudar, portanto, as repercussões das ações políticas de D. Miguel e de seus apoiadores, no Brasil, por meio de um dos periódicos de maior circulação na Corte. Espera-se, assim, contribuir para as formas de apreensão desse movimento no Brasil, aspecto ainda pouco explorado pela historiografia. ______________________________________________________________________________________
ABSTRACT: This master‟s dissertation aims to investigate the repercussion of the miguelismo movement between 1828 and 1834 in one of the most widely-read newspapers in the capital of Brazilian Empire, A Aurora Fluminense. The period that this research comprehends is marked for intense politics effervescence in which is highlighted the periodical press‟s role in its close connection with the construction of a public discussion place. Regarding Portugal, the years from 1828 to 1834, the moment when D. Miguel takes on the throne, are fraught with clashes between the adherents of the old order and the ones who used to defend the Constitution. The ideas of the support group to D. Miguel, the miguelistas, affect the international scenario and, in the case of Brazil, are discussed in view of the complex process of politics experimentation mentioned above. Therefore, this research intends to study the repercussions of D. Miguel and his supporters‟ political actions, in Brazil, through one of the most widely-read journals in the Court. It is expected, thus, to contribute to the way this movement is apprehended in Brazil, which is an aspect still not explored enough by historiography.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em História. Departamento de História, Instituto de Ciências Humanas e Sociais, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/6562
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 30/06/2016, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece nas coleções:PPGHis - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_MovimentoMiguelistaPáginas.pdf1,24 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons