Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4337
Título: Riqueza e densidade de aves que nidificam em ocos em plantações abandonadas de eucalipto.
Autor(es): Pereira, Hugo de Siqueira
Orientador(es): Azevedo, Cristiano Schetini de
Palavras-chave: Ave
Eucalipto
Ave - densidade
Data do documento: 2014
Referência: Pereira, H. de S. Riqueza e densidade de aves que nidificam em ocos em plantações abandonadas de eucalipto. 2014. 43 f. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Biomas Tropicais) - Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2014.
Resumo: Monoculturas de árvores, como as de espécies de eucalipto, têm substituído florestas naturais, impactando a fauna pela perda de habitat e recursos. Diversas espécies de aves necessitam de ocos em árvores para nidificar. A falta de recursos, como cavidades formadas pela degradação da árvore ou locais apropriados para serem criadas cavidades, leva a diminuição na abundância das populações destas espécies. Este trabalho tem o objetivo de comparar a riqueza e a densidade de aves que nidificam em ocos em áreas de plantação de eucalipto abandonadas com áreas de vegetação nativa em duas unidades de conservação em Minas Gerais. Em cada tipo de vegetação das unidades de conservação, foram estabelecidos 25 pontos, nos quais foi utilizado o método de contagem por remoção para o levantamento das espécies de aves. A riqueza de espécies de aves de cada área foi estimada por Jackniffe 1 e a densidade foi estimada através do método de máxima verossimilhança; modelos candidatos que poderiam influenciar a abundância das aves foram avaliados utilizando-se o Critério de Informação Akaike (AIC). Os resultados mostraram que a riqueza de espécies foi maior nas áreas de florestas nativas e que a densidade foi significantemente mais alta nas áreas de florestas nativas, e que o tipo de vegetação e a hora do dia influenciam na abundância e detecção das aves. Esses resultados indicam que as plantações de eucaliptos influenciam negativamente a comunidade de aves que nidificam em ocos, provavelmente por causa da falta de cavidades ou de sub-bosque. Plantações de eucaliptos normalmente não substituem as florestas nativas e seu uso deve ser controlado em áreas de conservação. _______________________________________________________________________________________
ABSTRACT: Eucalypt planted forests are replacing natural forests in many areas of the world, impacting wildlife by diminishing availability of habitats and resources. Several species of birds require hollows in trees for nesting, and the lack of this resource may decrease richness, abundance and density of cavity-nesting birds in planted forests. The aim of this study was to compare species richness, abundance and density of cavity-nesting birds in abandoned eucalypt forests and natural forests in two conservation units at Minas Gerais State, southeastern Brazil. Bird surveys were conducted using 25 point counts in both areas during 2013. Species richness was estimated using Jackknife, and density was estimated using the maximum likelyhood; candidate models that could influence abundance of birds were evaluated using Akaike Information Criterion (AIC). Results showed that species richness was higher in native forests and density was significantly higher in native forests than in abandoned eucalypt planted forests, and that vegetation type and hour of day influences the abundance and detection of the birds. These results indicate that abandoned eucalypt planted forests negatively influence the cavity-nesting bird’s community, probably due to the lack of cavities or the lack of a recovered understory. Eucalypt planted forests normally do not substitute native forests and their use should be controlled in conservation areas.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em Ecologia de Biomas Tropicais. Departamento de Biodiversidade, Evolução e Meio Ambiente, Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/4337
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor, 12/01/2015, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.
Aparece nas coleções:PPGEBT - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_RiquezaDensidadeAves.pdf1,31 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons