Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/3488
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorFausto, Maria Arlenept_BR
dc.contributor.advisorAguiar, Aline Silva dept_BR
dc.contributor.authorGuimarães, Nathalia Sernizon-
dc.date.accessioned2014-03-26T13:05:04Z-
dc.date.available2014-03-26T13:05:04Z-
dc.date.issued2014-
dc.identifier.citationGUIMARÃES, N. S. Avaliação longitudinal do consumo de álcool de estudantes universitários em uma instituição pública de ensino, MG. 2014. 90 f. Dissertação (Mestrado em Saúde e Nutrição) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2014.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3488-
dc.descriptionPrograma de Pós-Graduação em Saúde e Nutrição. Escola de Nutrição, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.description.abstractIntrodução: O padrão alcoólico de populações específicas é um tema de relevância da Saúde Coletiva, dado o número de usuários existentes e o impacto sobre os indivíduos e a sociedade. Para os universitários os anos de graduação se constituem em um momento de maior vulnerabilidade ao uso de álcool, tornando-os mais suscetíveis a suas consequências. Objetivo: A presente dissertação teve como objetivo revisar possíveis alterações antropométricas pelo uso de álcool (artigo 1), além de, avaliar a taxa de prevalência e incidência do uso alcoólico in binge e em risco em alunos recém-ingressantes de uma Universidade Pública (artigo 2). Artigo 1: Revisão sistemática realizada entre outubro e dezembro de 2012 nas bases de dados LILACS, PubMed e SCIELO. Vinte estudos envolvendo oito transversais, sete longitudinais, quatro experimentais e um estudo de caso-controle foram selecionados. Observou-se evidências positivas entre a ingestão de bebidas alcoólicas e modificações das medidas adiposas, principalmente em indivíduos do sexo masculino. Artigo 2: Estudo longitudinal realizado em uma amostra aleatória representativa de alunos que ingressaram no primeiro semestre de 2010 (n=256) e foram seguidos até o primeiro semestre de 2011 (n=183). Para avaliar o padrão alcoólico, os participantes foram classificados em abstêmios, bebedores leves, moderados, in binge e in binge pesados. A pontuação do questionário The Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT) foi utilizada para definir as categorias de consumo de risco: baixo risco, risco, uso nocivo e provável dependência. A análise estatística foi realizada no software Stata, versão 11.0. Entre os 256 alunos avaliados, 51,5% eram mulheres e 64,5% apresentavam idade ≥19 anos. A prevalência de consumo de bebidas alcoólicas foi igual a 75,7%. A idade média de início do consumo foi de 15,71,9 anos. A taxa de incidência de bebedores in binge + pesados foi igual a 2,6/100 pessoas ao ano, expressando risco para indivíduos do sexo masculino e com idade maior ou igual a 19 anos. A taxa de incidência de bebedores em risco foi igual a 2,0/100 pessoas ao ano e maior para indivíduos do sexo masculino e menor de 19 anos. Os alunos desta instituição apresentam um alto risco para problemas associados ao uso do álcool.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.subjectBebidas alcoólicaspt_BR
dc.subjectEstudantes universitários - condutapt_BR
dc.subjectEpidemiologiapt_BR
dc.titleAvaliação longitudinal do consumo de álcool de estudantes universitários em uma instituição pública de ensino, MG.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo autor(a), 28/02/2014, com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 3.0, que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que seja citado o autor e licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação desta.pt_BR
dc.description.abstractenIntroduction: The drinking patterns of groups of individuals is a theme relevant to Public Health, given the existing number of alcohol users and the impact upon individuals and society. For many university students, the undergraduate years constitute a moment of greater vulnerability to alcohol use, making them more susceptible to its consequences. Objectives: The aim of the present dissertation was to review possible anthropometric alterations caused by alcohol (article 1), as well as to evaluate the prevalence and incidence of binge drinking and risky alcohol use amongst recent-intake students at apublic university (article 2). Article 1: A systematic review undertaken between October and December 2012 using LILACS, Pubmed and SCIELO databases. Twenty studies,including eight cross-sectional studies, seven longitudinal studies, four experimental studies and one case-control study were selected. Positive associations, negative associations and absent associations between alcohol ingestion and anthropometric measurements were found. However, more positive evidence linking alcohol ingestion and change in adiposity measurement was observed, especially in male individuals. Article 2:A longitudinal study undertaken with a representative, random sample of students who started in the first semester of 2010 (n=256) and were followed up until the first semester of 2011 (n=183). In order to evaluate drinking patterns, participants were classified as abstinent, light drinkers, moderate drinkers, binge drinkers or heavy binge drinkers. The Alcohol Use Disorders Identification Test (AUDIT)questionnaire score was used to define consumption categories regarding risk: low risk, at risk, harmful use, and probable dependence. Statistical analysis was carried out using Statasoftware, version 11.0. Of the 256 students assessed, 51.5% were women, and 64.5% were aged 19 or more. The prevalence of consumption of alcohol was 75.7%. The average age of onset of consumption was 15.71.9 years. The incidence of binge drinking +heavy binge drinking was 2.6/100 persons per year, with vulnerability expressed regarding individuals of male gender and of 19 or more years. The incidence of at-risk drinking was 2.0/100 persons per year, and higher amongst individuals of male gender and less than 19 years. The students of this institution present a high risk of problems associated with alcohol use.-
Appears in Collections:PPGSN - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_AvaliaçãoLongitudinalConsumo.pdf1,8 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.