Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3301
Título: Uso optimal do território de bacia hidrográfica com fundamentos no conceito de geociências agrárias e ambientais – bacia do ribeirão Entre Ribeiros no vale do rio Paracatu.
Autor(es): Gomes, Lawrence de Andrade Magalhães
Orientador(es): Martins Júnior, Paulo Pereira
Palavras-chave: Geociências
Ciências ambientais
Bacia hidrográfica
Data do documento: 2007
Editora / Evento / Instituição: Programa de Pós-Graduação em Evolução Crustal e Recursos Naturais. Departamento de Geologia. Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Referência: GOMES, L. de A. M. Uso optimal do território de bacia hidrográfica com fundamentos no conceito de geociências agrárias e ambientais – bacia do ribeirão Entre Ribeiros no vale do rio Paracatu. 2007. 191f. Programa de Pós-Graduação em Evolução Crustal e Recursos Naturais. Departamento de Geologia. Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto 2007.
Resumo: A agricultura oferece um desafio à humanidade não somente no que diz respeito à produção, mas, sobretudo à não destruição dos sistemas naturais nos quais está inserida e faz parte, a saber, a bacia hidrográfica e os ecossistemas associados. Nesse sentido, faz-se necessário adotar e perseguirmodos de conjugação da atividade econômica com a geo-ecologia para um processo de sustentação tanto dos sistemas naturais quanto dos aspectos econômicos inerentes e desenvolvidos nestas regiões. A bacia do Ribeirão Entre Ribeiros, pertencente ao Vale do Rio Paracatu, afluente da margem esquerda no médio curso do Rio São Francisco, ocupada basicamente pela atividade agrícola, é um caso claro onde uma intervenção abrupta sobre o ambientenatural foi proferida, haja visto que várias condições geo-ambientais não foram e não têm sido devidamentecontempladas e respeitadas. Os reflexos, em decorrência do intenso e, muitas vezes, inadequado uso, apresentam, atualmente, um baixo grau de conservação ambiental, com conseqüências sobretudo nos recursos hídricos, na vegetação e na fauna. Soma-se a isso, o fato de que a maior parte dos produtores rurais da bacia se encontra, hoje, em uma situação econômica extremamente delicada, fruto de crises conjunturais passadas e de intensos investimentos e empréstimos que aindanão foram amortizados. Diante deste quadro, este estudo visou fornecer e projetar, a partir do levantamento sistemático das características de formação e da avaliação das condições atuais da bacia, algumas medidas e proposições de solução e mitigação frente aos principais desequilíbrios, no intuito de alcançar um ordenamento territorial e, conseqüentemente, conferir a possibilidade de usar o terreno de maneira ótima e inteligente. Para isso foi realizado um levantamento bibliográfico com ênfase em técnicas de plantio e conceitos para aplicação de corredores florestais com vistas a compreender e indicar medidas que conciliem o binômio ecologia-economia. Após esta etapa, foram avaliadas as principais distorções do uso antrópico na bacia e elaborado um mapa de utilização do território atual o qual possibilitou verificar o grau de estabilidade e geovulnerabilidade através do índice de vegetação para as relações entre as formações vegetais e áreas desmatadas, isto é, tipos de vegetação que ainda permaneceram pelas áreas totais da bacia. Este mostrou que tal bacia apresenta um quadro preocupante, uma vez que a cobertura natural está na ordem de 31,21% em relação à sua área total e ainda com tendências a uma maior diminuição. O passo seguinte foi a geração de uma proposta de zoneamento através de Unidades Geoambientais homogêneas, visto que esta permite uma compreensão ampliada e aplicada dos processos e favorece a gestão territorial. Tal proposta culminou na criação de 7 Unidades tendo como base o cruzamento das classes de Geomorfologia, Pedologia e Lito-Estratigrafia associado à análise do uso antrópico do território. Ao final, apresentou-se um cenário alternativo com propostas de mitigação sob o conceito de “ecologia-economia” tendo como medida base a introdução de corredores ecológico-econômicos. Assim foram evidenciados vários benefícios que os mesmos poderiam acarretar à região. Destacou-se ainda que tal proposição quando aliada às medidas “tradicionais” de conservação, como conservação do solo e da água, além de um maior subsídio aos produtores, permitem uma ampla possibilidade de alcançar o ordenamento territorial, bem como resguardar o amplo espectro de suas funções ecológico-econômicas. Dessa forma, o uso optimal pode ser auferido. A posse desse estudo e de outros mais específicos, constitui-se a base para se tomar decisões e para orientar programas de organização e ordenamento do território que sejam compatíveis com a dinâmica viva do ambiente e a sua organização sistêmica. Além disso, deve-se contar com um processo contínuo de monitoramento para que se observe a aplicação das medidas desenvolvidas, bem como a demanda para novas soluções de acordo com a modificação do espaço e ambiente. Assim, novos estudos serão demandados, novos níveisde decisão serão exigidos, e mais uma vez será necessária uma visão de diversas abordagens e a interação e integração de diferentes campos do saber para traduzir, reconstruir e contextualizar a realidade __________________________________________________________________________________________
ABSTRACT: Agriculture not only offers a challenge to the humanity in what concerns to the its production, but, mostly to the destruction of the natural systems in which it's inserted and it is part of, precisely, the watershed and the ecosystems associated. In this sense, it's necessary to adopt and to pursue ways of conjugating the economic activity with the geo-ecology one reaching the natural systems sustainability as like as the inherent development of economic aspects in these regions. The Entre Ribeiros watershed, belonging to the Valley of the River Paracatu, tributary of the left edge in the River San Francisco's average course, is a visible case example of an abrupt intervention on the natural environment, since several geo-ambient conditions had not been established and they have not been duly contemplated and respected. The repercussion, in result of the intense and, many times, inadequate use of the watershed's area, is, currently, a low degree of natural environment conservation, with consequences all over the water resources, the vegetation and the fauna. Adding to this idea it is important to assert that most of the agricultural producers of the watershed are, today,in extremely delicate economic situation, as a result of last conjunctural crises and intense investments and loans that had still not been amortized. Ahead this situation, this study aims to supply and project some measures and propositions of solutions and mitigations facing the most importantterritorials' imbalances through systematical research of the watershed's composition and the evaluation of its recent conditions, achieving, thus, a territorial's organization and, consequently, making possible theuse of territory in a optimal way. In this context, the first step was a careful bibliographic research with emphasis in plantation techniques and concepts for application of forest corridors with aim to understand and to indicate measures that conciliating the binomial ecology-economy. In the sequence, the main distortions of the human use in the watershed were evaluate and a map of use of the current territory was elaborate with the aim to verify the geo-vulnerability and stability degree through the index of vegetation for the relations between the vegetal formations and deforested areas, that is, types of vegetation that had still remained for the total areas of the watershed. Thisshowed that the watershed presents a preoccupying situation, once that the natural covering is in the order of 31,21% in relation to the total area and still withtrends to a bigger reduction. The next step, the conception of a proposal of zoning through homogeneous Geo-ambient Units, since this allows an extended understanding of the processes and its applications and favors the territory's management. Such proposal culminated in the creation of 7 Units basing in the crossing of the classrooms of Geomorphology, Pedology and Estratigraphic-Rocksassociated with the analysis of the human use of the territory. In the end, an alternative scene with proposals of mitigation under the concept of "ecologyeconomy" was presented having as measure base the introduction of ecological-economic corridors. Such proposal when allied to "the traditional" measures of conservation, as conservation of the soil and the water, beyond a bigger subsidy to the producers, allows a great possibility to reach the territorialorder, besides protecting the ample specter of its ecological-economic functions, achieving the optimal use. The ownership of this study and the other most specific ones consisted a base to help on making decisions and to guide programs of territory's organization and ordainment that are compatible with the alive dynamics of the environment and its systemic organization. Moreover, a continuous process must be its monitoring so that the observing of the application of the developed measures, as well as the demand for new solutions in accordance with the modification of the space and environment can be made. Thus, new studies will be demanded, new levels of decision will be required, and once more it will be necessary a vision of diverse approaches and the interaction and integration of different fields of knowledge to translate, to reconstruct and to contextualize the reality.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3301
Licença: A concessão da licença deste item refere-se ao termo de autorização impresso assinado pelo autor com as seguintes condições. Na qualidade de detentor dos direitos autorais, de acordo com a lei nº 9610/98 autorizo a Universidade Federal de Ouro Preto/ UFOP, a disponibilizar gratuitamente, sem ressarcimento dos direitos autorais, o texto integral da publicação supracitada, em meio eletrônico, na BDTD - Biblioteca Digital de Teses e Dissertações e no Repositório Institucional da UFOP, no formato especificado, para fins de leitura, impressão e/ou download pela Internet, a título de divulgação da produção científica gerada pela Universidade a partir desta data.
Aparece nas coleções:PPGECRN - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_UsoOptimalTerritório.PDF16,18 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.