Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3033
Título: Uso de gramíneas em consórcio com leguminosas para recuperação de voçorocas.
Autor(es): Marques, Thamy Evellini Dias
Orientador(es): Kozovits, Alessandra Rodrigues
Palavras-chave: Voçorocas - recuperação ecológica
Erosão - revegetação
Gramínias
Leguminosas
Data do documento: 2011
Editora / Evento / Instituição: Programa de Pós-Graduação em Ecologia de Biomas Tropicais. Departamento de Biodiversidade, Evolução e Meio Ambiente, Instituto de Ciências Exatas e Biológicas, Universidade Federal de Ouro Preto.
Referência: MARQUES, T. E. D. Uso de gramíneas em consórcio com leguminosas para recuperação de voçorocas. 2011. 83f. Dissertação (Mestrado em Ecologia de Biomas Tropicais) - Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2011.
Resumo: As voçorocas são grandes feições erosivas e apresentam um estágio avançado de degradação ambiental. Taxas de germinação de sementes, sobrevivência e crescimento são parâmetros essenciais para a caracterização do potencial biológico de plantas para uso em processos de recuperação e revegetação de áreas degradadas. Em áreas erodidas, como as voçorocas, deve-se dar preferência ao uso de plantas com atributos radiculares eficientes na retenção de solo e na prevenção e redução de processos erosivos. No entanto, a falta de conhecimento sobre tais aspectos em espécies nativas têm levado ao uso de plantas exóticas na revegetação de voçorocas em várias regiões do Brasil. Nesse sentido, esse estudo teve como objetivos avaliar parâmetros de germinação, crescimento, alocação de biomassa e arquitetura de raízes das gramíneas Echinolaena inflexa (Poir.) Chase (espécie nativa do cerrado e ocorrente na área) e Vetiveria zizanioides (L.) Nash (espécie exótica) e de Cratylia argentea (Desv.) Kuntze (leguminosa nativa dos cerrados) quando semeadas/plantadas nos sedimentos acumulados dentro de uma voçoroca. A eficiência do sistema radicular da gramínea Echinolaena inflexa na retenção das partículas do solo foi avaliada durante experimento de chuva simulada (experimento de Inderbitzen). O estudo foi realizado em uma voçoroca de Santo Antônio do Leite, distrito de Ouro Preto, durante a estação seca de 2010 (período mais limitante para o estabelecimento de plantas), sem aplicação de fertilizantes e irrigação. Usou-se o delineamento de blocos ao acaso, em parcelas de 1 x 1 m, com sete repetições dos quatro tratamentos: plantio individual de E. inflexa ou V. zizanioides; e plantio consorciado de E. inflexa + C. argentea; ou de V. zizanioides + C. argentea. As duas espécies nativas de cerrado testadas, E. inflexa e C. argentea, assim como a gramínea exótica, V. zizanioides, mostraram-se tolerantes as condições de baixa disponibilidade de nutrientes e de água dentro da voçoroca, apresentando altas taxas de sobrevivência. Além disso, C. argentea e V. zizanioides mantiveram área foliar verde e crescimento significativo ao longo do período de estudo. Echinolaena inflexa, como esperado, reduziu sua área foliar ativa quase completamente durante o período seco, rebrotando, entretanto, logo após as primeiras chuvas. Não houve influência da leguminosa sobre o crescimento das gramíneas, provavelmente devido à ausência de nodulação das mesmas. A caracterização do sistema radicular das espécies revelou que E. inflexa foi mais eficiente quanto aos parâmetros de ocupação do volume de solo. Tal espécie também se mostrou muito eficiente na redução do carreamento de partículas do solo por erosão hídrica superficial. Espera-se que os resultados básicos obtidos nesse trabalho, que indicam grande potencial de sobrevivência dessas espécies em áreas de colúvio de voçorocas, possam estimular estudos futuros de revegetação e estabilização de solos com espécies nativas. __________________________________________________________________________________________
ABSTRACT: Gully erosion is an advanced stage of soil degradation and is a serious environmental risk in Brazil. Rate of seed germination, seedlings survival and growth are essential parameters to characterize the plants biological potential for being used in the process of land reclamation. Moreover, in eroded areas, plants with root attributes that effectively contribute to the prevention and reduction of soil erosion are also required. However, the lack of knowledge about these attributes in native species has justified the use of exotic plants in revegetation of gullies in Brazil. The present study aimed to evaluate parameters of germination, growth, biomass allocation and root architecture of the grasses Echinolaena inflexa (Poir.) Chase (native cerrado species occurring in the area) and Vetiveria zizanioides (L.) Nash (an exotic species) and of Cratylia argentea (Desv.) Kuntze (native legume in cerrado) when sown/planted on the accumulated sediment within gullies. The efficiency of E. inflexa root system for retention of soil particles under a water film flux was evaluated during a rainfall simulation experiment. The study was conducted inside a gully, located in Santo Antônio do Leite, an Ouro Preto district, during the dry season of 2010 (the most limiting period for plant establishment), without application of fertilizers and irrigation. A randomized block design was used, with 1m2 plots, in seven replicates of four treatments: individual planting of E. inflexa or V. zizanioides, intercropping of E. inflexa + C. argentea, or V. zizanioides + C. argentea. The two cerrado native species, E. inflexa and C. argentea, and the exotic grass, V. zizanioides, were tolerant to conditions of low nutrients and water availability within the gully, showing high survival rates. C. argentea and V. zizanioides maintained green foliar area and significant growth during the dry season. Echinolaena inflexa, as expected, reduced almost completely the active leaf area during the dry period, resprouting, easily in the beginning of the rainy season. There was no influence of the legume in the growth of the grasses, probably due to the lack of nodulation. The characterization of the root system revealed that E. inflexa was more efficient in terms of soil occupation than other plant species. This grass was also very effective in reducing the carrying of soil particles by superficial water erosion. The basic results obtained in this work, indicating a great potential for survival of the studied species in colluvial materials located inside gullies, will stimulate future studies of soil stabilization and revegetation with native species
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/3033
Aparece nas coleções:PPGEBT - Mestrado (Dissertações)

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_UsoGramíneasConsórcio.PDF2,29 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.