Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/2887
Title: Fatores de risco da diarréia humana aguda associado às condições de saneamento em Ouro Preto – MG.
Authors: Reis, Vivian Walter dos
metadata.dc.contributor.advisor: Lanna, Maria Célia da Silva
Keywords: Soroterapia
Diarreia infantil
Abastecimento de água
Ouro Preto - Minas Gerais
Issue Date: 2007
Publisher: Programa de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental. PROÁGUA, Pró-Reitoria de Pesquisa e Pós Graduação, Universidade Federal de Ouro Preto.
Citation: REIS, V. V. dos. Fatores de risco da diarreia humana aguda associado às condições de saneamento em Ouro Preto – MG. 2007. 69 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) – Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2007.
Abstract: No presente trabalho, determinou-se a prevalência de patógenos em pacientes com diarréia na população infantil de Ouro Preto, Minas Gerais, no período de Julho/2006 a Março/2007 utilizando técnicas bacteriológicas e tipagens sorológicas rotineiras. Os patógenos bacterianos isolados dos pacientes, em ordem decrescente foram: sorotipos diarreiogênicos de Escherichia coli e Salmonella sp. O Patógeno isolado em maior freqüência foi E. coli enteropatogênica clássica (EPEC) (76%), seguida por E. coli enteroinvasiva (EIEC) (44%) e E. coli enterohemorrágica (EHEC) (12%). Detectou-se 24 % de Giardia sp. nos exames parasitológicos. Além disso, rotavírus foi detectado em 18% dos casos diarréicos. Para avaliar a significância estatística desses resultados utilizou-se o teste χ2 (qui-quadrado), além do teste exato de Fischer comparando os grupos de pacientes testados e grupos controle. O valor de p<0.005 foi considerado por ser significativo. A resistência a antibióticos foi observada em alguns dos sorogrupos de E. coli obtidos de amostras clínicas. Recentemente, realizou-se investigações da qualidade microbiológica da água na cidade de Ouro Preto. Os agentes etiológicos de maior destaque, detectados nas amostras clínicas, assim como o perfil de resistência bacteriana a antibióticos, no presente trabalho foram semelhantes aos resultados obtidos na investigação de qualidade de água na mesma localidade. Os fatores sócio-econômicos, condições de moradia, presença de fossa, tipo de água, índice de bens de consumo ou renda per capta foram relacionados com o tipo de água consumida. Os dados sugerem uma relação entre tipo de fonte de água, condições sanitárias e a ocorrência de doenças usualmente transmitidas pela água. A análise conjunta de todos os dados obtidos possibilitou concluir que os consideráveis índices de contaminação previamente detectados em Ouro Preto parecem estar contribuindo para a prevalência das diarréias infecciosas. O presente estudo, assim como outros nesta linha, oferecem subsídios para os planejamentos da administração municipal de Ouro Preto quanto ao saneamento e saúde coletiva.
metadata.dc.description.abstracten: The prevalence of bacterial, parasitic and viral pathogens in infantile patients with diarrhea in community from July/2006 to March/2007 in Ouro Preto, Minas Gerais state, was determinated using routine bacteriology and serotyping assay techniques. Bacterial pathogens isolated from patients were, in decreasing frequency: diarrheogenic Escherichia coli serotypes and Salmonella sp. Enteropathogenic Escherichia coli (EPEC) was the most frequent (76%) pathogen isolated, followed by Enteroinvasive E. coli (EIEC) (44%) and Enterohemorrhagic E. coli (EHEC) (12%). Parasitc examination of diarrheic samples resulted in 24% positives to Giardia sp. Morever Rotavirus (18%) was also detected . Chi-square test and Fischer´s Exact Test were used to compare differences between the tests and control groups. A p-value of < 0.005 was considered to be significant. Antimicrobial resistance was observed among some E. coli serotypes isolated from clinical samples. Previously, in Ouro Preto city, it has been done a study about the microbiology water quality, at the same community. The results of the present study from clinical samples were similar to this previously study, regarding the ethiological agents and antibiothic resistence profile. The socioeconomic factors, house quality, latrine ownership, type of water source were correlated with water use. Implications of these simple household water correlated with water sources and more deficient sanitary facilities for potencial water borne disease transmition were briefly discussed. Finaly, it could be concluded that data obtained from community-based study correlated with the high degree of contamination of drinking water in households previously studied will enable the justification of Ouro Preto to plan relevant studies on diarrhea and other diseases transmitted by contaminated water route.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/2887
Appears in Collections:PROAMB - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_FatoresRiscoDiarréia.pdf1,68 MBAdobe PDFView/Open


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.