Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/17825
Title: Utilização do pó de escória de desulfuração do reator Kambara como agente estabilizador de solo argiloso para camadas de pavimentação.
Authors: Causado Mendoza, Luis Eduardo
metadata.dc.contributor.advisor: Gomes, Guilherme José Cunha
Pires, Patrício José Moreira
Keywords: Geotecnia - pavimentos
Resíduos
Quartzito
Sustentabilidade ambiental
Issue Date: 2023
metadata.dc.contributor.referee: Gomes, Guilherme José Cunha
Porto, Lia de Mendonça
Marques, Geraldo Luciano de Oliveira
Hilário, Ronderson Queiroz
Citation: CAUSADO MENDOZA, Luis Eduardo. Utilização do pó de escória de desulfuração do reator Kambara como agente estabilizador de solo argiloso para camadas de pavimentação. 2023. 166 f. Dissertação (Mestrado em Geotecnia) - Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2023.
Abstract: O uso da escória de dessulfuração do reator Kambara (escória KR) tem atraído atenção na indústria de material rodoviário para melhorar o desempenho do projeto de estradas. No entanto, o potencial de reutilização da escória KR em pó (KRSP), coletada por coletores de poeira, como filtros de manga, ainda não foi suficientemente estudado. Este trabalho investiga a composição química, propriedades físicas e características mecânicas de solo argiloso misturado com KRSP. Para avaliar a capacidade do coproduto de estabilizar dito solo, foram realizados experimentos de laboratório com materiais brutos e solo misturado com 3% e 5% de KRSP. Os resultados revelam que a densidade específica do KRSP (2,23 g/cm3 ) é menor do que a da escória KR granulada. A análise de Fluorescência de raios-X não detectou ferro (Fe) na sua composição, e a porcentagem de óxido de cálcio (CaO) foi inferior a 40%. O Portlandita (Ca(OH)2) foi identificado como o principal mineral presente através da análise de difratometria de raios-X, e Brucita (Mg(OH)2) como o mineral menor. A adição de 3% e 5% de KRSP ao solo argiloso resultou em um aumento nos valores do Índice de Suporte Califórnia (CBR de 13% para 42% e 41%, respectivamente, em apenas 4 dias de cura. E em resistência à compressão não confinada de 1,25 MPa e 0,95 MPa os 7 dias. Limites de Atterberg, distribuição granulométrica e testes de expansão reforçaram nossos resultados, mostrando conformidade com os requisitos para materiais de sub-base de primeira classe. A descoberta demonstra que o pó de despoeiramento de dessulfuração KR tem potencial para ser utilizado como agente estabilizador ambientalmente amigável, contribuindo para a melhoria da gestão de resíduos no setor siderúrgico.
metadata.dc.description.abstracten: The use of Kambara reactor desulphurization slag (KR slag) has attracted attention in the road material industry to improve road design performance. However, the potential (re)use of KR slag powder (KRSP) collected by dust collectors, such as bag filters, remains understudied. This paper investigates the chemical composition, physical properties, and mechanical characteristics of soil mixed with KRSP. To evaluate the ability of KRSP to stabilize clayey soil, laboratory experiments were carried out on raw materials and soil mixed with 3% and 5% KRSP. The results reveal that the bulk specific gravity of KRSP (2.23 g/cm3 ) is lower than that of the granulated KR slag. X-Ray Fluorescence analysis did not detect iron (Fe) in KRSP, and the percentage of calcium oxide (CaO) was below 40%. Portlandite (Ca(OH)2) emerged as the major mineral present through X-Ray Diffraction analysis, and Brucite (Mg(OH)2) as the minor. Mixing clayey soil with 3% and 5% KRSP yielded an increase in the California Bearing Ratio (CBR) values from 13% to 42% and 41%, respectively, within a mere 4 days of curing. The addition of 3% and 5% KRSP to clayey soil resulted in unconfined compressive strength of 1.25 MPa and 0.95 MPa, respectively. Atterberg limits, particle size distribution, and expansion tests reinforced our results, showing compliance with the requirements for first-class subbase materials. Our findings demonstrate that KRSP has the potential to serve as an environmentally friendly stabilizing agent, contributing to improved waste management in the steel sector.
Description: Programa de Pós-Graduação em Geotecnia. Núcleo de Geotecnia, Escola de Minas, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/17825
metadata.dc.rights.license: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 20/10/2023 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Appears in Collections:POSGEO - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_UtilizaçãoPóEscória.pdf5,4 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons