Please use this identifier to cite or link to this item: http://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/14808
Full metadata record
DC FieldValueLanguage
dc.contributor.advisorMageste, Aparecida Barbosapt_BR
dc.contributor.advisorFerreira, Gabriel Max Diaspt_BR
dc.contributor.authorChume, Vitorino Fernando-
dc.date.accessioned2022-04-01T14:41:27Z-
dc.date.available2022-04-01T14:41:27Z-
dc.date.issued2021pt_BR
dc.identifier.citationCHUME, Vitorino Fernando. Uso de Hidrotalcitas convencionais e modificada com Norbixina na remoção dos corantes têxteis vermelho reativo 141 e azul reativo 160 de soluções aquosas. 2021. 55 f. Dissertação (Mestrado em Engenharia Ambiental) – Núcleo de Pesquisas e Pós-Graduação em Recursos Hídricos, Universidade Federal de Ouro Preto, Ouro Preto, 2021.pt_BR
dc.identifier.urihttp://www.repositorio.ufop.br/jspui/handle/123456789/14808-
dc.descriptionPrograma de Pós-Graduação em Engenharia Ambiental. Núcleo de Pesquisas e Pós-Graduação em Recursos Hídricos, Universidade Federal de Ouro Preto.pt_BR
dc.description.abstractA busca pela obtenção de materiais funcionais, sustentáveis e atóxicos para o tratamento de efluentes industriais tem aumentado muito nos últimos anos. Neste contexto, os hidróxidos duplos lamelares (HDLs) surgem como potencial adsorvente para aplicação na remoção de diversos solutos devido a sua versatilidade. A inserção de moléculas anfifílicas em HDLs tem ampliado a utilização destes compostos para remoção de solutos hidrofóbicos. Assim, a realização do presente estudo visa avaliar o uso de HDLs convencionais e modificado com norbixina, um corante natural, na remoção dos corantes têxteis aniônicos vermelho reativo 141 (VR141) e azul reativo 160 (AR160) de soluções aquosas. HDLs do tipo MgAl-HDL foram preparados pelo método de co-precipitação e caraterizados por difração de raio-X. HDLs convencionais foram obtidos com o ânion carbonato (HDL-CO3 2- ) ou nitrato (HDL-NO3 - ) e HDL modificado (HDL-NB) foi obtido pela adição de norbixina durante a síntese. Dados de difração de raio-X indicaram que a norbixina não foi incorporada na região interlamelar do HDL. Estes materiais foram aplicados para adsorção dos corantes VR141 e AR160, tendo sido avaliados os efeitos do pH, do tempo de contato e da concentração inicial de corante sobre a adsorção. O pH do meio não influenciou os valores de quantidade adsorvida na faixa estudada (4-10), mas esses valores foram muito dependentes do material usado na adsorção. Para ambos os corantes, os valores de qe max aumentaram na seguinte ordem: qe,max (HDL-CO3 2- ) < qe,max (HDL-NB) < qe,max (HDL-NO3 - ). Valores de qe max variaram entre 48 mg/g, para adsorção de VR em HDL-CO3 2- , até 219 mg/g, para AR em HDL-NO3 - . A cinética do processo foi dependente da estrutura do material, sendo os tempos de equilíbrio de 6 horas em HDL-NO3 - e 14 horas em HDL-CO3 2- e HDL-NO3 - . Os modelos de pseudo-primeira (PFO) e pseudo-segunda (PSO) ordens e o modelo de difusão intrapartícula foram ajustados aos dados experimentais de cinética, sendo que o modelo PSO apresentou melhor ajuste. Os modelos de Langmuir e Freundlich foram utilizados para modelar as isotermas de adsorção e o modelo de Langmuir foi o que melhor se ajustou aos dados experimentais.pt_BR
dc.language.isopt_BRpt_BR
dc.rightsabertopt_BR
dc.rights.urihttp://creativecommons.org/licenses/by-nc-nd/3.0/us/*
dc.subjectHidróxido duplo lamelarpt_BR
dc.subjectAdsorçãopt_BR
dc.subjectCorantes - remoçãopt_BR
dc.subjectCorantes - vermelho reativopt_BR
dc.subjectCorantes - azul reativopt_BR
dc.titleUso de Hidrotalcitas convencionais e modificada com Norbixina na remoção dos corantes têxteis vermelho reativo 141 e azul reativo 160 de soluções aquosas.pt_BR
dc.typeDissertacaopt_BR
dc.rights.licenseAutorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 23/02/2022 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho, desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.pt_BR
dc.contributor.refereeMageste, Aparecida Barbosapt_BR
dc.contributor.refereeFerreira, Gabriel Max Diaspt_BR
dc.contributor.refereeLeão, Versiane Albispt_BR
dc.contributor.refereeMoreira, Renata Pereira Lopespt_BR
dc.description.abstractenThe search for obtaining functional, sustainable and non-toxic materials for the treatment of industrial effluents has increased a lot in recent years. In this context, lamellar double hydroxides (LDH) appear as a potential adsorbent for application in the removal of several solutes due to their versatility. Insertion of amphiphilic molecules in LDH has expanded the use of these compounds to remove hydrophobic solutes. Thus, the present study aims to evaluate the use of conventional HDLs and modified with norbixin, a natural dye, in the removal of anionic textile dyes reactive red 141 (RR141) and reactive blue 160 (RB160) from aqueous solutions. MgAl-LDH type LDH were prepared by the co-precipitation method and characterized by X-ray diffraction. Conventional LDH were obtained with the carbonate anion (LDH-CO3 2- ) or nitrate (LDH-NO3 - ) and modified LDH (LDH-NB) was obtained by the addition of norbixin during the synthesis. X-ray diffraction data indicated that norbixin was not incorporated into the interlamellar region of HDL. These materials were applied for adsorption of dyes RR141 and RB160, and the effects of pH, contact time and initial dye concentration on adsorption were evaluated. The pH of the medium did not influence the adsorbed amount values in the studied range (4-10), but these values were very dependent on the material used in the adsorption. For both dyes, the qe,max values increased in the following order: qe,max (LDH-CO3 2- ) < qe,max (LDH-NB) < qe,max (LDH-NO3 - ). Values of q and max ranged from 48 mg/g, for RR adsorption in LDH-CO3 2- , to 219 mg/g, for RB in HDL-NO3- . The kinetics of the process was dependent on the structure of the material, with the equilibrium times being 6 hours in HDL-NO3 - and 14 hours in HDL-CO3 2- and HDL-NO3 - . The pseudo-first (PFO) and pseudo-second (PSO) orders models and the intraparticle diffusion model were fitted to the experimental kinetic data, and the PSO model presented a better fit. The Langmuir and Freundlich models were used to model the adsorption isotherms and the Langmuir model was the one that best fit the experimental data.pt_BR
Appears in Collections:PROAMB - Mestrado (Dissertações)

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTAÇÃO_UsoHidrotalcitasConvencionais.pdf1,04 MBAdobe PDFView/Open


This item is licensed under a Creative Commons License Creative Commons