Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10322
Título: Do sentido à ação : uma análise sobre percepção e efetivação das affordances comunicativas do smartphone na Mídia Ninja.
Autor(es): Gomes, Daniel Fróes Vieira
Orientador(es): Souza, Marcelo Freire Pereira de
Palavras-chave: Mídia Ninja
Smartphones
Affordances
Data do documento: 2018
Membros da banca: Stangl, André Figueiredo
Josephson, Joana Zillner de Araújo
Souza, Marcelo Freire Pereira de
Referência: GOMES, Daniel Fróes Vieira. Do sentido à ação : uma análise sobre percepção e efetivação das affordances comunicativas do smartphone na Mídia Ninja. 2018. 135 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) – Instituto de Ciências Sociais e Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto, Mariana, 2018.
Resumo: Neste estudo, buscamos compreender como os gestores dos núcleos do coletivo midiático Mídia Ninja (“Editoria Geral”, “Redes Sociais e Coberturas”, “Audiovisual”, “Opinião e Design” e “Fotografia”) e ativistas que não ocupam postos de gestão percebem e efetivam as affordances comunicativas do smartphone. Tais affordances dizem respeito a aspectos funcionais e relacionais que enquadram – embora não determinem – as possibilidades de ação do usuário na relação com o dispositivo móvel. Como fundamentação teórica, além do conceito de affordance comunicativa (HUTCHBY, 2001; SCHROCK, 2015), utilizo literaturas que versam sobre Cultura Material (MILLER, 2013), Teoria Ator-Rede (LATOUR, 2012; LEMOS, 2013) e Cultura Móvel (CARON; CARONIA, 2007). Quanto à natureza metodológica da pesquisa, trata-se de um estudo qualitativo e de inspiração etnográfica (WHITE, 2005; GEERTZ, 2017). Para responder nosso problema de pesquisa, utilizamos três técnicas de coleta de dados: 1) questionário on-line (GIL, 2002) para descrever os smartphones dos gestores da Mídia Ninja; 2) entrevistas episódicas individuais (FLICK, 2012), para identificar como as affordances são percebidas, entre esses ativistas; 3) observação participante (SPRADLEY, 1980), para observar práticas comunicativas reveladoras das affordances, experienciadas por ativistas que não ocupam postos de gestão. Na análise, cruzamos os dados obtidos na etapa da coleta, a fim de encontrar padrões de percepção e efetivação das affordances e que sinalizam a existência de uma cultura móvel dentro do grupo. Os resultados do estudo apontam, sem a pretensão de serem definitivos, que as affordances são mobilizadas tanto para a produção e circulação de conteúdo quanto para a gestão interna da Mídia Ninja.
Resumo em outra língua: In this study, we sought to understand how the managers of the Mídia Ninja ("General Editor", "Social Networks and Media Coverage", "Audio-visual", "Opinion and Design" and "Photography") and activists who do not occupy management posts perceive and effectivelly the communicative affordances of the smartphone. Such affordances relate to functional and relational aspects that frame – though not determine – the user 's possibilities of action in relation to the mobile device. As a theoretical foundation, in addition to the concept of communicative affordance (HUTCHBY, 2001; SCHROCK, 2015), we used literature about the Material Culture (MILLER, 2013), Actor-Network Theory (LATOUR, 2012; LEMOS, 2013) and Mobile Culture (CARON; CARONIA, 2007). As for the methodological nature of the research, it is a qualitative and ethnographic inspiration study (WHITE, 2005; GEERTZ, 2017). To answer our research problem, we used three techniques of data collection: 1) survey (GIL, 2002) to describe the smartphones of the Mídia Ninja managers; 2) individual episodic interviews (FLICK, 2012), to identify how affordances are perceived among these activists; 3) participant observation (SPRADLEY, 1980), to observe communicative practices revealing the affordances, experienced by activists who do not occupy management posts. In the analysis, we cross the data obtained in the collection stage, in order to find patterns of perception and effectiveness of the affordances and that signal the existence of a mobile culture within the group. The results of the study point out, without claiming to be definitive, that affordances are mobilized for both production and circulation of content and for the internal management of the Mídia Ninja.
Descrição: Programa de Pós-Graduação em Comunicação. Instituto de Ciências Sociais e Aplicadas, Universidade Federal de Ouro Preto.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10322
Licença: Autorização concedida ao Repositório Institucional da UFOP pelo(a) autor(a) em 28/09/2018 com as seguintes condições: disponível sob Licença Creative Commons 4.0 que permite copiar, distribuir e transmitir o trabalho desde que sejam citados o autor e o licenciante. Não permite o uso para fins comerciais nem a adaptação.
Aparece nas coleções:PPGCOM - Mestrado

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
DISSERTAÇÃO_SentidoAçãoAnálise.pdf2,68 MBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Este item está licenciado sob uma Licença Creative Commons Creative Commons