Use este identificador para citar ou linkar para este item: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10146
Título: Análise de viabilidade econômica dos estádios da Copa do Mundo FiFA 2014.
Título(s) alternativo(s): Analysis of economic viability of stadiums of the World Cup FIFA 2014.
Autor(es): Barros, Thiago de Sousa
Palavras-chave: Investimentos
World Cup
Economic Viability
Investments
Data do documento: 2016
Referência: BARROS, T. de S. Análise de viabilidade econômica dos estádios da Copa do Mundo FiFA 2014. Revista Gestão Organizacional, v. 9, n. 1, p. 42-65, 2016. Disponível em: <https://bell.unochapeco.edu.br/revistas/index.php/rgo/article/view/2938>. Acesso em: 27 jul. 2018.
Resumo: Este artigo busca apresentar um estudo de viabilidade econômica das doze arenas multiuso da Copa do Mundo FIFA 2014, que aconteceu no Brasil durante os meses de junho e julho. Para este efeito, foram utilizados os métodos convencionais de avaliação de investimento – Projeções de Fluxo de Caixa, o Valor Presente Líquido (VPL) e Taxa Interna de Retorno (TIR). Ademais, foi realizada uma análise de sensibilidade dos projetos em relação a variações do cenário econômico. Os resultados apontam que as arenas Pernambuco, Beira Rio e Baixada se mostraram economicamente viáveis, enquanto o Maracanã apresenta viabilidade somente em alguns cenários: quando há aumento das receitas ou redução do investimento. Os demais estádios se mostraram como projetos sem viabilidade, o que enfatiza os prejuízos que deverão ser assumidos pelo Estado e a importância de se utilizar essas ferramentas de engenharia econômica no processo de decisão de investimento, pois evita aplicação de capital em empreendimentos não rentáveis e de alto risco.
Resumo em outra língua: This article seeks to present a study of the economic viability of the twelve multipurpose arenas FIFA World Cup 2014, which took place in Brazil during the months of June and July. For this purpose, conventional evaluation of investment methods were used - Cash Flow Projections, the Net Present Value (NPV) and Internal Rate of Return (IRR). In addition, a sensitivity analysis of the projects in relation to changes in the economic scenario was performed. The results show that the Pernambuco arenas, Beira Rio and Baixada proved economically viable, while the Maracanã has viability only in some scenarios: when there is increased revenue or reduced investment. The other stages are shown as non-viable projects, which emphasizes the losses to be borne by the State and the importance of using these tools of economic engineering in the investment decision process by avoiding capital investment in unprofitable ventures and high risk.
URI: http://www.repositorio.ufop.br/handle/123456789/10146
ISSN: 19836635
Licença: Autores de artigos publicados na Revista Gestão Organizacional (RGO) possuem autorização para assumir contratos adicionais separadamente, para distribuição não-exclusiva da versão do trabalho publicada na revista com reconhecimento de autoria e publicação inicial na revista. Fonte: Revista Gestão Organizacional (RGO). Disponível em: <https://bell.unochapeco.edu.br/revistas/index.php/rgo/about/submissions#copyrightNotice>. Acesso em 30 jul. 2018.
Aparece nas coleções:DEECO - Artigos publicados em periódicos

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ARTIGO_AnáliseViabilidadeEconômica.pdf471,55 kBAdobe PDFVisualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.